sábado, 10 de janeiro de 2009

Segunda História de Amor..

A nossa Segunda História de Amor . História de Elenice & Harpreet
Olá Namastê!
Meu nome é Elenice. Sou da pequena cidade de Nova Resende, no sul de Minas. Cidade esta com apenas 14 mil habitantes de um povo simples e humilde. Minha família como quase toda a população da cidade são produtores de café. Tenho a vida mais calma e pacata que alguém poderia imaginar. A minha cidade tem a aparência daquelas cidades mostradas nas novelas das 6 rsrs, uma arquitetura meio que voltada para o século XVIII.
Porém, há 11 meses a minha vida tem ganhado um novo brilho. Tudo mudou quando recebi um pedido de amizade pelo orkut , de um jovem com olhar mais lindo que já vi..o nome dele Harpreet, ele que é da cidade de Ludhiana uma grande metrópole no coração do Estado de Punjab, Índia. Começamos a conversar todos os dias, ele me entendia, me escutava como ninguém nunca tinha feito antes, a pessoa mais atenciosa que já vi e quando nos demos conta já estávamos apaixonados um pelo outro. No inicio de nosso relacionamento nada era muito fácil, desconfiança, insegurança, ciúmes....mas com o tempo fomos aprendendo a superar isto. Conhecê-lo cada dia mais e perceber o quanto podemos amar um ao outro e sermos feliz me dá muita força para superar todos os obstáculos. Aprendi a respeitá-lo em nossas diferenças, e procurar cada dia mais a harmonização de nosso relacionamento para que nossos sonhos se torne realidade. A religião dele é o sikhismo, muito diferente de todas as religiões que conheci até então, na verdade dizem que não é uma religião, e sim uma filosofia de vida. Fundada no século XV por Sri Guru Nanak. A família dele, como todos bons sikhs e talvez indianos sonham em fazê-lo, (digo fazê-lo porque estou me referindo ao casamento arranjado, orgulho da tradição indiana até os tempos de hoje) casar com uma indiana igualmente sikh e da mesma casta que ele, e isto perturba muito a minha paz e não a dele , pois diz estar disposto a negar com unhas e dentes estas propostas de casamento arranjando heeehe.
Há quatro meses atrás a família dele recebeu uma proposta de casamento para ele de uma família sikh que se imigrou para Dubai, eu fiquei desesperada com a possibilidade de perdê-lo para sempre, mas ele foi forte o suficiente para negar a proposta, embora ainda não contou para a família dele a intenção que tem em se casar com uma estrangeira, apenas tentou uma vez dizer para a mãe que pretendia se casar com uma estrangeira , a mãe dele ficou muito brava com esta idéia, disse que até poderia concordar com ele se casando com alguém fora da casta e religião sikh, mas jamais aceitaria com uma pardesi ( estrangeira) e ainda mais brasileira, visto que as brasileiras infelizmente não possuem uma boa fama no exterior. A Mãe dele acredita que se ele se casar com uma pardesi será um homem divorciado em breve, pois segundo ela "estrangeiros não são confiáveis, mas aparentemente tem me aceitado como amiga do filho... para mim isto já é um bom sinal.
A minha família já sabe, e a mesmo não concordando plenamente aceitaram o meu relacionamento, embora pensem que é loucura namorar pela internet ...
nós nos amamos acima de todos os problemas e temos esperança, certeza de que um dia nossos sonhos se tornarão realidade.
Nosso relacionamento é marcado por muitos desentendimentos, tristezas, esperas, mas também por muito respeito, alegrias e esperanças, e grandes momentos felicidade, penso que realmente estou conhecendo o significado da palavra amar. Mesmo estando distante possuímos uma ligação muito forte. Conseguimos perceber quando um de nós esta triste, estou conseguindo entende-lo e aceita-lo, e ele também esta fazendo o mesmo por mim. Trocamos e-mails, presentes, fotos, vídeos.. Todos os dias,temos o horário "sagrado" para conversarmos. Ele trabalha no período noturno, e isto ajuda-nos a ter um horário conciliável para conversarmos. Todas as manhas, antes dele ir para o trabalho conversamos aproximadamente 1 hora pelo skype e também quando retorna do trabalho. Ouvir a voz dele, ver o sorriso via webcam me deixa radiante de fidelidade, na certeza de que estou amando e sendo amada.Nos finais de semana passamos juntos.. conversando , rindo, brincando, contando piadas, esquecemos que estamos distantes, esquecemos das barreiras culturais e da distancia que nos separa.. o tempo voa.. quando percebo já se passaram mais de 4 horas apenas conversando que felicidade! Sinto que o nosso amor cresce e ganha força a cada dia, percebo o quanto estamos sendo verdadeiros um com o outro. Em abril deste ano estarei indo encontrá-lo na índia, ficarei 20 dias por lá, tenho certeza que serão momentos inesquecíveis...depois disso vamos continuar construindo nossos sonhos e acreditando que em breve nos casaremos, e poderemos ser felizes juntos.. ele pensa em vir para o Brasil ou se mudar para algum outro país no exterior..não temos pressa, estamos deixando tudo fluir naturalmente e sabemos que é bom termos paciência e fazer as coisas com calma no seu devido tempo...Viva o futuro, pois ele a Deus pertence! ........

Escrito por Elenice & Harpreet .

Elenice & Harpreet Deus abençoe cada vez mais a união de vocês,o caminho dos vencedores no amor a distância é sempre traçado passo-a-passo com muito esforço, dedicação,paciencia, muitas vezes, com lágrimas.
Sabemos que a alegria da vitória compensa qualquer sacrifício,somente pessoas com amor verdadeiro ,corajosas, constantes e decididas chegam ao fim.
A perseverança conquista a vitória que é o amor eterno....
To acompanhado a vitória de vocês...Namaska....Deva Shakti”.

2 comentários:

  1. Elenice, linda sua historia amiga, desejo muita sorte à vcs e nunca desista de seus objetivos e sonhos, Confie em Deus tudo dará certo! ..bjss...Andrea

    ResponderExcluir
  2. gostaria de saber como vc está agora, vivo uma situação semelhante, kisses

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua participação e não esqueça doe sorriso,não custa nada...Namaska.